sábado, Agosto 26, 2006

O Menino da Lágrima

Não se sabe bem quando é que este autêntico mamarracho invadiu os lares dos portugueses, mas o fenómeno é internacional e, curiosamente, polémico


O Menino da Lágrima não é só um. Há pelo menos 56 versões, mas os "origi­nais", os "genuínos", são apenas 27. A his­teria que se desenvolveu em torno deste fenómeno de vendas dos anos 80 é que es­tá a assumir proporções preocupantes, pe­lo menos no que toca à saúde mental dos seus possuidores ou ex-possuidores. Comecemos pelo princípio.


Um pintor, que umas vezes é brasileiro, outras italiano, outras espanhol, e que umas vezes se chama J. Bragolin, outras simplesmente Bragolin, outras Giovanni Bragolin, parece que afinal se chamava era Franchot Seville quando era espanhol - não-obstante o nome ter mais de francês que de cas­telhano. Estamos em Madrid, corre o ano de 1969 e, na rua onde o nosso Seville/Bragolin tem o seu ateliê, anda um miúdo sem família, cujos pais morreram num incêndio, completamente ao abandono e maltratado por tudo e por todos. O pequeno chama-se Don Bonillo, Bra­golin apieda-se e, também contra tudo e contra todos, acolhe-o no seu ateliê e cui­da dele. É um pintor com êxito, os seus quadros ven­dem bem, Seville é um ho­mem próspero e feliz e dedi­ca-se ao miúdo.
O padre da paróquia, contudo, aconselha-o a não al­bergar aquela criança, que só causa desastres, regra geral incêndios, a ponto de as pessoas lhe chamarem El Diablo. Avisa-o de que corre um perigo muito, muito sério.

Um dia, o ateliê de Bragolin arde de alto a baixo, sem se perceber como. Toda a gente aponta o dedo ao miúdo, claro. Com­pletamente enlouquecido, o pintor deixa­-se ir naquela histeria colectiva e faz o mesmo. Desesperado, o rapazito foge e nunca mais ninguém o vê. Entretanto, as pessoas tinham ouvido dizer que o pintor também estava amaldiçoado, que os seus quadros davam azar, deixam de comprar e Bragolin fica na ruína.

Anos mais tarde, nos arredores de Barce­lona, dá-se um enorme desastre. Um carro espatifa-se contra um muro, incendeia-se e o condutor fica completamente carboniza­do e irreconhecível. Resta apenas um pe­daço da carta de condução, onde se conse­gue ler que o condutor tinha 19 anos e se chamava ... Don Bonillo, pois então!

Mais preocupante é a outra versão da história, que diz-se, o próprio Bragolin terá revelado num programa chamado Fantástico, na Rede Globo brasileira. Não conseguia vender um único quadro, pelo que terá feito um pacto com o Demó­nio. Deve ser mentira, mas o facto é que os bonecos ven­deram como pão quente e o homem terá conseguido re­construir a sua fortuna.

Vem depois a lenda urba­na. Possuidores de quadros, ocultistas e até satanistas an­dam por aí a dizer que os quadros lhes deram azar e que foram todos pintados a partir de crianças mortas em rituais, sacrificadas ao Diabo, para que ele fizesse enrique­cer o Fausto/Bragolin. Análi­ses dos fundos e das roupas, das posições relativas das crianças, do simples facto de parecerem estar sempre a olhar para nós, sejam quais forem os ângu­los dos quais olhemos para elas - a Gio­conda também deve ser diabólica! -, tudo serve para acusar os quadros de, através de imagens e mensagens subliminares, an­darem a dar azar, quando não a matar, aqueles que os possuem.

Em nome da sua vida e dos seus, não compre o Me­nino da Lágrima. Mais que não seja ... pela falta de gosto!
Fonte: Focus
PS: Como se não bastasse o gosto duvidoso de quem o possui, agora parece que a pintura dá azar!
Hehehe é verdade o Hugo tem um quadro...

3 comentários:

Abssinto disse...

Ainda ontem postei no meu blog esse quadro. No Portugal doa anos 80 era raro a casa de classe média que não tivesse uma reprodução. Ninca o achei demau gosto, sempre senti foi uma pena do caraças por o puto estar a chorar e a fazer beicinho. Há algum tempo fou uma carga de trabalhos para o encontrar na net porque não sabia quem era o autor ou o título do quadro. Depois de ler o teu post fiquei mais elucidado! Obrigado.

Abraço

Anónimo disse...

ola eu sou de portugal e vivo no funchal e aki na regiao muitas pessoas teem esses quadros(O MENINO DA LAGRIMA)com varias iamgens lindissimas eu propria ja vi em muitas casas e eu ate tenho um e verdade k o menino paresse k esta a olhar para nos mas no entanto nao tenho azar nenhum na minha vida « a nao ser a crize finanseira mas isso e mondial » axo k isso e tudo uma treta e os quadros sao lindissimos nunca me desfazeria deles sao lindos e kanto a lenda as pessoas falam demais e eu adoro o meu quadro ate tenho dois mas um diferente do outro. Bem e so beijinhos para todos voces

Menino da disse...

Olá, eu sou o Menino da Lágrima!

Quando me deram um Magalhães resolvi fazer uma página da internet (http://www.meninodalagrima.com) para comunicar com os meus amigos.

Sniff...